Mateus e o passeio de helicóptero

Decidi antecipar o Dia do Pai e fui dar uma volta de helicóptero com o Mateus. É uma coisa que ele já queria fazer há alguma tempo, ou pelo menos já há algum tempo que falava disso… Inspirou-se nos desenhos animados.

Chegou o dia e foi muito engraçado… Ao início ele estava CHEIO DE MEDO!! Pois é, os helicópteros na televisão são muito giros e tal, mas depois quando vês aquele “monstro” à tua frente tens muito respeitinho por aquilo tudo. Ver a cara dele a mudar, o ar ansioso a dissipar-se e o sorriso enorme a surgir, foi qualquer coisa de mágico. Como é obvio, quando aterrámos o Mateus nem queria sair de lá, por ele tinha passado o resto do dia a sobrevoar Lisboa.

A estes momentos dou o nome de “daddy goals”. Coisas que vão para o currículo de um pai, experiências que ficam para sempre. Nunca me vou esquecer da primeira vez que andei de helicóptero com o meu filho, e na verdade ele também não me deixa esquecer porque não se cala a falar do assunto. É sinal de que gostou, o que me deixa muito feliz.

Para o ano vai certamente ser difícil superar esta experiência quase de super-herói, mas sei que vai ser ainda mais especial porque, no mínimo, vou celebrar o dia do pai a dobrar – com o MAteus e com o Oliver!

 

 

Deixe uma resposta