Os homens na Women’s March

Durante muito tempo, o movimento feminista foi exclusivo das mulheres. Nós, homens, deixámo-nos ficar à parte enquanto Elas lutaram pelos seus direitos e igualdade. Mas como este cartaz diz e bem, estamos nisto juntos. Hoje mais do que nunca.

DrielyS-3728

A igualdade é um tema meu e teu, é um tema de todos nós. Sejas homem, mulher, transgénero ou qualquer outra definição. É um tema nosso, do ser humano.

Um certo Presidente de que já falei várias vezes e que agora controla um dos países mais poderosos do mundo, é nitidamente um misógeno. Se achas que não, sugiro que faças uma pequena pesquisa na net para ver os disparates que esta pessoa já disse acerca das mulheres e da forma como “as tratar” – eu não quero sujar o Breaking Dad com tais afirmações.

Em meros dias, já iniciou o processo para acabar com o Planned Parenthood (planeamento familiar) nos Estados Unidos, uma vez que, e passo a parafrasear, “é uma organização que patrocina aborto”… O facto de também providenciar ajuda às mulheres com cancro cervical da mama, por exemplo, não interessa nada. 3% da actividada da Planed Parenthood está relacionada com aborto e, por isso, é para acabar (não tem nada a ver com interesses económicos, que ideia…).

Este é apenas um dos exemplos da forma como Trump pretende regredir a condição da mulher nos Estados Unidos. E por isso, as mulheres marcharam em Washington (mas não só). Pelos seus direitos, pela igualdade de género. E alguns homens, aqueles que têm as ideias no sítio certo, marcharam com elas.

Porque (repito) a igualdade é um tema de todos nós, independentemente do nosso género.

DrielyS-3338IMG_9771IMG_9552 ZWUzZmM5NDg4OCMvZHZNc0M3NXdocHctVlVzdzdteFpTd0pQbDZRPS82NXgxNjM6OTY2eDY5MC9maXQtaW4vNzYweDAvZmlsdGVyczpmb3JtYXQoanBlZyk6cXVhbGl0eSg4MCkvaHR0cDovL3MzLmFtYXpvbmF3cy5jb20vcG9saWN5bWljLWltYWdlcy9tZGJ Womens-March-dc-connor-and-matt DrielyS-3607  Womens-March-dc-bobby

1 Comment

  1. Olá!
    Depois das asneiradas que o Trump diz, o que mantem a minha fé na humanidadem, é ver as pessoas a unirem-se pela verdade.
    Estes 4 anos vão ser longos…

    Beijinhos
    Eva

Deixe uma resposta