Run Diogo, Run

Picture2

Gostas de correr?

A maioria das pessoas não gosta, eu sei. Quer seja os 10 metros até à paragem do autocarro, quer seja aquela corrida de aquecimento no treino, não gostam, não querem, não fazem.

Eu sou o oposto. Adoro correr, sempre adorei. Sei que há mais como eu por aí, eu bem vejo a malta do jogging pelos passadiços, faça chuva ou faça sol. Agora eu sou um desses tipos. 10 kms, todos os dias. De madrugada, ao fim do dia, à noite…

Correr é terapêutico, naqueles minutos és só tu e a estrada. E depois, a recompensa de olhares para o relógio e veres a distância que fizeste aumentar a cada dia, e o esforço necessário diminuir a cada dia. Não dá para explicar, mas talvez esta história ajude.

Toda a vida, passava na Calçada da Ajuda e pensava “um dia vou conseguir subir isto a correr”. Não sei se realmente acreditava nisto, a verdade é que mesmo a andar ficava a arfar pelo caminho.  Mais ou menos um mês depois de ter iniciado este desafio da Men’s Health, passei na dita calçada e pensei… “É hoje”. Comecei a correr, ao início devagar para ver se aguentava… Cheguei a meio completamente tranquilo e ainda me dei ao luxo de acelerar um bocadinho.

Não consigo descrever-te a alegria e sentimento de concretização que senti quando cheguei ao topo. Podes achar estúpido, mas para mim foi como se tivesse escalado o Evereste. Pronto, talvez esteja a exagerar um bocadinho…

Outro ponto positivo sobre este meu novo hábito é a oportunidade que tenho para tirar fotografias espectaculares… Já apanhei com cada nascer e pôr do sol que não te passa pela cabeça… Hoje deixo-te com algumas meio abstractas de algumas corridas nocturnas.

Agora deixo-te, está na hora dos meus 10 kms de hoje. Run Diogo, Run.

Picture3 Picture4 Picture1 Picture5

2 Comment

  1. Luisa Silva says: Responder

    Olá Diogo, eu pessoalmente não gosto de correr, gosto mais de andar a passo largo. Sabes que para mim é um pouco dificil sair assim e ir andar pois o Marco é muito pequeno e não o posso deixar a dormir e ir, mas sabes as vezes de verão acordo de madrugada e dá me uma vontade de ir dar uma volta, andar pelas ruas vazias, ver as pessoas a sairem para os seus trabalhos muito cedo, sermos só nós na rua e a musica no mp3, mas infelizmente não posso pois não tenho quem me fique com o menino, então o que eu costumo fazer é, vou com ele ao parque e como encontro lá sempre alguém conhecido e que pode olhar por ele enquanto brinca eu aproveito para ir dar umas voltas ao parque da cidade, e depois venho para brincar um bocadinho com ele. Eu não sei como é com o Mateus, mas com o Marco a brincadeira por si só é um exercísio que dá para transpirar imenso e perder algumas calorias. Em relação as tuas fotos, eu não me canso de olhar para elas, são lindas todas elas e a minha sujestão de fazeres uma exposição ainda continua de pé e cada ver tenho mais a certeza que deves pensar nesse projecto e podes ter a certeza que a Luisa ia vê-la sem sombras de dúvidas.
    Beijinhos lindo e boa corrida.

  2. Olá!
    Confesso: não gosto de correr. Nem mesmo para ir apanhar o comboio. No entanto, adoro andar.
    Acho que a vantagem do exercício fisico é essa: podes fazer o que quiseres porque variedade é o que há mais.
    As fotos estão maravilhosas, como sempre.

    Beijinhos
    Eva

Deixar uma resposta